Teorias Da comunicação

Início » Teoria Newsmaking

Teoria Newsmaking

  A teoria do newsmaking pressupõe que as notícias são como são porque a rotina industrial de produção assim as determina. Há superabundância de fatos no cotidiano. Sem organização do trabalho jornalístico é impossível produzir notícias.
O processo de produção da notícia é planejado como uma rotina industrial.  Os veículos de informação devem cumprir algumas tarefas neste processo:

  Reconhecer, entre os fatos, aqueles que podem ser notícia (seleção);
Elaborar formas de relatar os assuntos (abordagem/angulação);
organizar, temporal e espacialmente, o trabalho para que os acontecimentos noticiáveis possam ser trabalhados de maneira organizada.

“Embora o jornalista seja participante ativo na construção da realidade, não há uma autonomia incondicional em sua prática profissional, mas sim a submissão a um planejamento produtivo. As normas ocupacionais teriam maior importância do que as preferências pessoais na seleção das notícias.”
Diante da imprevisiabilidade dos acontecimentos, as empresas jornalísticas precisam colocar ordem no tempo e no espaço. Para isso, estabelecem determinadas práticas unificadas na produção das notícias. É dessas práticas que se ocupa a teoria do newsmaking.
Dentre as práticas apresentadas por essa teoria, destacam-se as seguintes:

Noticiabilidade: Critérios que escolhem, entre inúmeros fatos, uma quantidade limitada de notícias.
Sistematização: rotina de divisão das ações que envolvem a pauta, a reportagem e a edição.
Valores-notícia: senso comum das redações. Qualquer jornalista sabe dizer o que é notícia e o que não é de acordo com o senso comum.
  Os meios de comunicação definem os valores e a hierarquia da noticia. Temos 3 fatores para a teoria, esta pode ser tanto de utilidade pública como por exmplo as campanhas de vacinação como tambem podem ser de comoção pública como por exemplo a morte do corredor Ayrton Senna, por último temos os fatos de incontestável interresse geral como o caso do Tsunami ou o Furacão Sandy. O critério de importância de uma notícia é com base no seu ineditismo mais conhecido como o furo, o interesse das pessoas no assunto e por otimo o apelo daquela notícia.

4 Comentários

  1. Amanda Sonale disse:

    Muito bom o resumo!

  2. Bem legal o texto! mas no final tem uns errinhos de digitação 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: